Cinefilando Crítica: Madrugada dos Mortos

dawnofthedead

Madrugada dos Mortos

(Dawn of the Dead)

Ano: 2004

Gênero: Terror

Mídia: tv a cabo

Comecemos pelo nome:

Como todo conhecedor de filmes de terror sabe o nome “Dawn of the Dead” foi traduzido para o português na época do seu lançamento (1978) como “Despertar dos Mortos”, mas é claro que quem traduziu o nome do remake não fazia idéia de ser um remake(!), conclusão… mudaram o nome da refilmagem de um dos maiores clássicos do cinema(leia se terror)!!. É claro que isso para muitos não passa de um mero detalhe, mas para quem gosta de filmes de terror isso é uma grande falta de respeito com o trabalho de um dos maiores diretores de terror de todos os tempos: George A. Romero, pois Dawn of the Dead é a seqüência de “A Noite dos Mortos Vivos”.

Bem, vou parar de reclamar e falar sobre o filme.

Não sou o fã número um de remakes, porém o Zack Snyder conseguiu atualizar o filme de uma forma muito positiva, ação do começo ao fim, maquiagem perfeita, efeitos muito bons, uma trilha sonora competente e um bom enredo torna o filme em um dos melhores do gênero, além do que a movimentação dos zumbis é um destaque a parte, nada de movimentos lentos e retardados os morto-vivos são tão rápidos quanto os velocistas das olimpíadas(?). Destaque para o final, vale a pena ver as “letrinhas”.

Recomendo para todos os fãs do gênero.

Nota: 9

Anúncios

2 Respostas

  1. Madrugada dos Mortos é o melhor filme de zumbis que eu vi!

  2. É bacana demais!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: